Precisa de uma resposta e não encontrou no nosso site?


QUERO FAZER UMA PERGUNTA

Perguntas mais recentes

Europe’s economic distress could be China’s opportunity…

Europe’s economic distress could be China’s opportunity. In the past, the country has proved a hesitant investor in the continent, but figures show a 30 percent surge in new Chinese projects in Europe last year.

And these days Europe looks ever more tempting. Bargains proliferate as the yuan strengthens and cashstrapped governments forget concerns over foreign ownership of key assets. On a recent visit to Greece, Vice Premier Zhang Dejiang sealed 14 deals, reportedly the largest Chinese investment package in Europe, covering a range of sectors from construction to telecoms.

Meanwhile, Irish authorities have opened talks with Chinese promoters to develop a 240-hectare industrial park in central Ireland where Chinese manufacturers could operate inside the European Union free of quotas and costly tariffs. In time, that could bring 10,000 new jobs. “It’s good business,” says Vanessa Rossi, an authority on China at the Royal Institute of International Affairs in London. “There’s big mutual benefit here.” Europe needs money; China needs markets.

Newsweek, July 19, 2010, p. 6. Adaptado.

Segundo o texto, a China:

  1. Aproveitou o momento da crise mundial e fez vários investimentos no próprio país.
  2. Teve problemas econômicos similares aos dos países europeus, mas conseguiu superá-los.
  3. Hesitava em investir em países asiáticos e perdeu boas oportunidades na região.
  4. Aumentou seus investimentos na Europa no ano passado.
  5. Ressurgiu como potência mundial após vários anos de isolamento.

Afirma-se, no texto, que a Irlanda

  1. Negocia com a China o desenvolvimento de um parque industrial que trará benefícios à Europa e à própria China.
  2. Possui um plano de desenvolvimento que exime os investidores de pagamento de impostos.
  3. Enfrenta sérios problemas de desemprego, que já afetaram dez mil trabalhadores.
  4. Deseja fechar acordos que envolvam outros países da União Europeia.
  5. Planeja as mudanças que pretende implementar junto à Câmara Real de Negócios Internacionais, em Londres.




Com base no mapa e em seus conhecimentos, indique a afirmação correta…

Doenças tropicais surgem graças a um conjunto de fatores biológicos, ecológicos e evolutivos que condicionam a sua ocorrência exclusivamente nas proximidades do Equador, entre os trópicos de Câncer e Capricórnio.

Porém, a perpetuação das doenças tropicais em países aí situados depende,
fundamentalmente, da precária situação econômica vigente e é consequência direta do subdesenvolvimento.

E. P. Camargo, Doenças tropicais, 2008. Adaptado.

Com base no mapa e em seus conhecimentos, indique a afirmação correta:

  1. O recente desenvolvimento econômico alcançado pela Índia e pela Indonésia favoreceu a erradicação da malária desses países, apesar da tropicalidade.
  2. O clima tropical, quente e úmido, permite a rápida proliferação da malária em países como Peru, Chile e Colômbia.
  3. A concentração da malária, no Nordeste do Brasil, deve-se à precariedade do saneamento básico na região semiárida.
  4. Na África subsaariana, nota-se alta concentração da malária, fruto da tropicalidade e da miséria que assola a região.
  5. Na Amazônia brasileira, a morte por malária foi erradicada, fruto de consecutivas campanhas de vacinação.




Sobre a produção de madeira oriunda de florestas plantadas…

Sobre a produção de madeira oriunda de florestas plantadas, no Brasil, para fabricação de papel e celulose, considere o gráfico e as afirmações seguintes:

I. Os estados de São Paulo e Paraná respondem, juntos, por cerca de 50% da produção nacional, em função de sua proximidade com as indústrias
processadoras, com o maior mercado consumidor do país e com os principais eixos de exportação.
II. O cultivo de espécies voltadas a essa produção tem avançado sobre territórios dos estados da Bahia e do Espírito Santo, sendo responsável pela subtração de parcela da Mata Atlântica nesses estados.
III. Nos estados da região Sul, que figuram entre os oito maiores produtores do país, essa produção está restrita a pequenas propriedades, associada a
produtos voltados à subsistência, tais como laticínios, charque e hortaliças.

Está correto o que se afirma em

a) I, apenas.
b) I e II, apenas.
c) I e III, apenas.
d) II e III, apenas.
e) I, II e III.




Considere as seguintes afirmações sobre o Vale do Paraíba…

O rico patrimônio histórico-arquitetônico da cidade de São Luiz do Paraitinga, parcialmente destruído pelas chuvas no início de 2010, associa-se a um fausto vivido pelo Vale do Paraíba, no passado, entre final do século
XIX e início do século XX, proporcionado pela cultura do café.

Considere as seguintes afirmações sobre o Vale do Paraíba, no estado de São Paulo.

I. A pecuária leiteira, que se desenvolveu no Vale, a partir da crise do café, é, ainda hoje, uma atividade econômica praticada na região.
II. Essa região abriga as maiores hidrelétricas do Estado, responsáveis pelo fornecimento de energia para a Região Metropolitana de São Paulo.
III. O relevo de Mares de Morros marca a paisagem dessa região, estendendo-se, também, para outros estados brasileiros.
IV. A industrialização dessa região foi favorecida por sua localização, entre as duas maiores cidades brasileiras, bem como por sua acessibilidade rodoviária.

Está correto o que se afirma em

  1. I, II e III, apenas.
  2. I e IV, apenas.
  3. I, III e IV, apenas.
  4. II e IV, apenas.
  5. I, II, III e IV.




Quando a expansão comercial europeia ganhou os oceanos, a partir do século XV…

Quando a expansão comercial europeia ganhou os oceanos, a partir do século XV, rapidamente o mundo conheceu um fenômeno até então inédito: populações que jamais tinham tido qualquer contato umas com as outras passaram a se aproximar, em diferentes graus.

Uma das dimensões dramáticas desses novos contatos foi o choque entre ambientes bacteriológicos estranhos, do qual resultou a “mundialização” de doenças e, consequentemente, altas taxas de mortalidade em sociedades cujos indivíduos não possuíam anticorpos para enfrentar tais doenças.

Isso ocorreu, primeiro, entre as populações:

  1. Orientais do continente europeu.
  2. Nativas da Oceania.
  3. Africanas do Magreb.
  4. Indígenas da América Central.
  5. Asiáticas da Indonésia.




O aumento do nível da solução no interior do tubo de vidro é equivalente…

Uma das extremidades de um tubo de vidro foi envolvida por uma membrana semipermeável e, em seu interior, foi colocada a solução A.

Em seguida, mergulhou-se esse tubo num recipiente contendo a solução B, como mostra a Figura 1. Minutos depois, observou-se a elevação do nível da solução no interior do tubo de vidro (Figura 2).

O aumento do nível da solução no interior do tubo de vidro é equivalente:

  1. À desidratação de invertebrados aquáticos, quando em ambientes hipotônicos.
  2. Ao que acontece com as hemácias, quando colocadas em solução hipertônica.
  3. Ao processo de pinocitose, que resulta na entrada de material numa ameba.
  4. Ao processo de rompimento de células vegetais, quando em solução hipertônica.
  5. Ao que acontece com as célulasguarda e resulta na abertura dos estômatos.




Em 1910, cerca de 50 indivíduos de uma espécie de mamíferos…

Em 1910, cerca de 50 indivíduos de uma espécie de mamíferos foram introduzidos numa determinada região.

O gráfico abaixo mostra quantos indivíduos dessa população foram registrados a cada ano, desde 1910 até 1950.

Esse gráfico mostra que:

  1. Desde 1910 até 1940, a taxa de natalidade superou a de mortalidade em todos os anos.
  2. A partir de 1938, a queda do número de indivíduos foi devida à emigração.
  3. No período de 1920 a 1930, o número de nascimentos mais o de imigrantes foi equivalente ao número de mortes mais o de emigrantes.
  4. No período de 1935 a 1940, o número de nascimentos mais o de imigrantes superou o número de mortes mais o de emigrantes.
  5. No período de 1910 a 1950, o número de nascimentos mais o de imigrantes superou o número de mortes mais o de emigrantes.




Considere os filos de animais viventes e as seguintes características..

Considere os filos de animais viventes e as seguintes características relacionadas à conquista do ambiente terrestre:

I. Transporte de gases feito exclusivamente pelo sistema respiratório, independente do sistema circulatório.
II. Respiração cutânea e pulmonar no mesmo indivíduo.
III. Ovos com casca calcárea resistente e porosa.

A sequência que reproduz corretamente a ordem evolutiva de surgimento de tais características é:

  1. I, II e III
  2. II, I e III
  3. II, III e I
  4. III, I e II
  5. III, II e I




Com base na Teoria Sintética da Evolução, é correto afirmar que…

Os resultados de uma pesquisa realizada na USP revelam que a araucária, o pinheiro brasileiro, produz substâncias antioxidantes e fotoprotetoras. Uma das autoras do estudo considera que, possivelmente, essa característica esteja relacionada ao ambiente com intensa radiação UV em que a espécie surgiu há cerca de 200 milhões de anos.

Com base na Teoria Sintética da Evolução, é correto afirmar que

  1. Essas substâncias surgiram para evitar que as plantas sofressem a ação danosa da radiação UV.
  2. A radiação UV provocou mutações nas folhas da araucária, que passaram a produzir tais substâncias.
  3. A radiação UV atuou como fator de seleção, de maneira que plantas sem tais substâncias eram mais suscetíveis à morte.
  4. A exposição constante à radiação UV induziu os indivíduos de araucária a produzirem substâncias de defesa contra tal radiação.
  5. A araucária é um exemplo típico da finalidade da evolução, que é a produção de indivíduos mais fortes e adaptados a qualquer ambiente.




A figura abaixo representa uma célula diploide e as células resultantes…

A figura abaixo representa uma célula diploide e as células resultantes de sua divisão.

Nesse processo,

  1. Houve um único período de síntese de DNA, seguido de uma única divisão celular.
  2. Houve um único período de síntese de DNA, seguido de duas divisões celulares.
  3. Houve dois períodos de síntese de DNA, seguidos de duas divisões celulares.
  4. Não pode ter ocorrido permutação cromossômica.
  5. A quantidade de DNA das células filhas permaneceu igual à da célula mãe.